Header AD

5 quadrinhos e 5 games mais esperados da segunda metade de 2016

Hoje damos continuidade à nossa lista dos mais esperados desta segunda metade de 2016 e muita coisa interessante ainda nos espera até o fim do ano.

Thiago Sena preparou uma lista dos cinco games que serão lançados ainda este ano e que ele não vê a hora de jogar, enquanto a Tatiana Ferreira, nossa convidada especial do site Tapioca Mecânica, elencou os cinco quadrinhos mais aguardados do segundo semestre.

Se não viu a primeira parte da lista com os cinco filmes e as cinco séries mais aguardados clique aqui.


QUADRINHOS

Falar sobre quadrinhos é um assunto bem delicado pra mim – embora seja meu assunto favorito durante 24 horas e 7 dias por semana – porque tenho que pensar e concentrar e refletir, é quase um treinamento budista…. Mas! Esse ano está sendo repleto de bons lançamentos de HQ's e Graphic Novels, seja o grande novo lançamento underground de Daniel Clowes com Patience, a Marvel na tentativa de emplacar mais um hit forçado com Civil War II até reboot (sem muitas surpresas) da DC Comics chamado Rebirth e a volta dos personagens clássicos da Hanna-Barbera em quadrinhos.

Aqui vai um Top 5 dos quadrinhos que eu espero ler. Alguns deles já até saíram no começo desse mês de agosto, mas conta como segunda parte do ano.


1 - ROM #01

Lançamento: Agosto


Durante os anos 80, a Marvel em parceria com a Parker Brothers (a empresa de brinquedos) criaram uma revista para o boneco ROM e que serviria para divulgar o brinquedo. A história contava que ROM era um cyborg vindo de uma civilização pacífica chamada Gálador, que estava tentando dividir seu conhecimento e prosperidade com o resto da galáxia. Até que eles depararem com os Espectros, que eram uma civilização hostil de seres metamorfos. Foi criada uma guerra e ROM foi um dos voluntários para fazer parte dos Cavaleiros Espaciais. A revista durou mais que o brinquedo com 75 edições e especiais.

Sendo uma grande fã de Star Trek como sou, a história de ROM sempre me cativou pelo contraste entre as espécies e raças tentando atingir um status quo, embora a visão de Star Trek seja mais utópica e unificada, a briga entre os Cavaleiros Espaciais e Espectros sempre me lembrou o embate entre terrestres e Klingons.

Sem contar que a série ajudou a estabelecer o universo galáctico da Marvel, que estava em construção. A interação entre ROM e outros super-heróis da Casa das Idéias era bem balanceada, mesmo que na maioria das vezes, ele era visto como vilão por conta de sua armadura (e também por vir do espaço). Então, essa nova vinda de ROM, não somente traz um novo respiro pra ficção científica nos quadrinhos, mas também a chance de ver as diferenças na construção de um personagem durante os anos 80 para os dias de hoje.

Nessa nova revista ainda não foi dito como a história deverá ser contada, já que a Marvel perdeu os direitos do personagem e a Hasbro (atual detentora dos direitos) fechou uma parceria com a IDW. Eu espero que a IDW aproveite que também detém os direitos de Star Trek nos quadrinhos e faça um crossover bem bom pra minha felicidade.


2 - Kill or Be Kiled #01

Lançamento: Agosto 


A dupla Ed Brubaker e Sean Phillips vem nos entregando grandes quadrinhos faz mais de uma década: SleeperCriminalIncognitoFatale e The Fade Out. Para os que não conhecem, todos esses quadrinhos têm uma temática em comum: o noir. Então, acontece uma espécie de experimentação e transformação do gênero policial e o novo quadrinho deles não fugiria da regra.

Kill or Be Killed explorará a história de um jovem que é obrigado a matar pessoas por conta de seu pai como um vigilante. Pensando assim, a premissa parece ser bem simples, mas como qualquer boa história noir, o alvo central da narrativa será em como o personagem lida para manter sua “identidade secreta” em segredo (óbvio!) e como isso vai destruindo e consumindo todos os laços afetivos e principalmente, sua vida num todo.

Conhecendo o trabalho de Brubaker – ele é o meu roteirista favorito – em seus outros títulos, acredito que ele desdobrará o personagem principal ao avesso e claro, tentar mostrar sua visão em cima do vigilantismo, coisa que ele já havia citado durante sua fase em Demolidor.


3 - Love & Rockets #01

Lançamento: Setembro


Se eu pudesse ler apenas um quadrinho pelo resto da minha vida seria Love & Rockets. Eu não tenho palavras pra descrever o quanto eu gosto dessa série. E saber que ela está voltando em formato revista… Foi a melhor notícia de quadrinhos nesse ano.

Love & Rockets foi criada em 1982 pelos irmãos Jaime e Gilbert Hernandez (ou os Irmãos Hernandez, ou se você for true hardcore, Los Bros Hernandez), a revista reunia algumas histórias que os irmãos estavam afim de contar, mas dando destaque para dois segmentos em questão: Palomar de Gilbert e Locas de Jaime.

A única semelhança entre os dois segmentos é que se tratavam de grupos de pessoas. Em Palomar, a história era sobre uma vila mexicana em que algumas coisas estranhas aconteciam. Gilbert usava um pouco do realismo fantástico misturado com lendas mexicanas enquanto contava o cotidiano dessa pequena cidade.

Locas é fruto da vivência punk do Jaime (ou pelo menos, o que ele achava que era punk) na Califórnia dos anos 80. Conta a história de Maggie e sua vai-e-volta-nunca-assumida namorada, Hopey. Elas são jovens punks, que não sabem o que fazer da vida: Maggie é um mecânico (sim, no masculino mesmo) e Hopey é baixista de uma banda que muda o nome a cada semana. Elas são amparadas pelo seu grupo de amigas: Izzy, Daffy, Penny Century e Terry.

A história segue uma narrativa realista (as personagens envelhecem em tempo real) e fala muito sobre as descobertas, achados e perdas da juventude que nós todos passamos.
Essa próxima revista marca o começo do Vol. 4 do título (que já foi mensal, bimestral e graphic novel) e pretende trazer novas histórias e novos personagens, continuações de histórias passadas e novos olhares em velhos personagens.

Em outras palavras: Tá vindo aí um novo volume de um dos quadrinhos mais influentes dos últimos 40 anos.

4 - Great Lakes Avengers #01.

Lançamento: Outubro 


Então, você conhece os Vingadores, certo? E acredito que o Novos Vingadores também? Jovens Vingadores? E até dos Vingadores da Costa Leste, né?

Eu sei que são muitos Vingadores, chegamos num ponto que todo super-herói da Marvel é ou já foi um vingador, mas sempre esquecem da ousada (e melhor) equipe dos Vingadores dos Grandes Lagos (Ou você pode preferir como chamaram eles no Brasil: de Vingadores Centrais, mas eu prefiro a tradução literal).

Criada por um dos caras que mais manjou de supers nos anos 80, John Byrne, a equipe meio que juntava uma galera que era mutante e decidiram ser super-heróis e responderam um anúncio nos classificados postado pelo líder, o Sr. Imortal. A equipe em sua formação mais famosa consistia no Sr. Imortal, Grande Bertha, Garota Esquilo e seus esquilos de combate Monkey Joe e Tippy Toe, Doorman e Flatman (esses últimos foram em inglês mesmo para poder dar uma moral aos personagens, já que aqui são chamados de “O Porta” e “Chapa”. Sério).

No último ano, a revista da Garota Esquilo se tornou um fenômeno em termos de venda e material (que reúne uma narrativa leve e cômica) e isso fez com que ela, hoje, seja uma das grandes personagens na Casa das Ideias e com todo mérito!

Com isso, a Marvel decidiu que iria aproveitar essa pegada meio cômica e apostar na volta dos GLA com seu título próprio. Lembrando muito o que eles fizeram em 2014 com Superior Foes of Spider-Man, que mostrava o dia-a-dia dos inimigos classes B, C e D do Homem-Aranha e foi um das revistas mais brilhantes que teve naquele ano. Aqui, a GLA decide voltar a ativa pegando carona na fama da Garota Esquilo e seus status como Vingadora.

Eu adoro de coração todos esses personagens classe B e abaixo, que são muitas vezes chamados de “buchas”. Mas se uma coisa que a própria revista da Garota Esquilo e Superior Foes nos mostraram é que onde você menos espera é que tem uma grande história.


5 - Black Panther: World of Wakanda #01

Lançamento: Novembro


Me deu até medinho de falar um pouco sobre a premissa dessa revista, porque eu preferia nem falar nada, só apenas ler. E é isso que deixo para vocês: leiam essa revista quando sair!

Essa foi um dos grandes anúncios da Comic Con em julho e não seria de menos, porque é um grande passo para Marvel e pras revistas de supers em si. A premissa da série é que ela seja um spinoff da revista atual do Pantera Negra e tem como personagens principais: Aneka e Ayo. Elas fazem parte de uma subdivisão da Dora Milaje (a segurança pessoal do Pantera formada pelas melhores guerreiras de várias tribos de Wakanda), chamada de Midnight Angels. Elas são altamente letais, treinadas em artes marciais e tem bastante armas. E, ah, elas são um casal.

Essa adentrada da Marvel em trazer um título principal LGBTQ é algo que aquece meu coração e me faz pensar em dias melhores por vir. Três anos atrás, depois de anos sendo fiel leitora de Marvel e DC, eu me vi deixando os super-heróis cada vez mais de lado por conta que não parecia ter nada de novo e falta na questão de representatividade, algo que estava com força total nas editoras independentes e underground, era praticamente inexistente. Então, a cada dia que temos novos quadrinhos de super-heróis, um novo público (como eu uma vez fui) e esses dois grupos se relacionam e se identificam, é fantástico.

Leiam essa revista e a do Pantera também!

----

Tatiana Ferreira 

é uma pobre nerd que gosta de brincar de estudante de cinema nas horas vagas. Faz parte do site Tapioca Mecânica e adora dividir seus conhecimentos em cultura pop com tudo e todos. Só queria ter mais tempo para acompanhar tudo.


GAMES

Embora falte apenas pouco mais de quatro meses para acabar o ano de 2016, ainda tem muita coisa boa para ser lançado no mundo dos games. Esse ano já tivemos jogos como Uncharted 4, Street Fighter V, Quantum Break e No Man's Sky

O que resta esperar então para o finalzinho do ano? Vamos a essa preview do que estamos aguardando:


Lançamento: Fifa 27 de setembro, PES 13 de setembro nos EUA, sem data certa no Brasil


Os games de futebol a cada ano superam o nível de entretenimento, com diversos novos recursos e com gráficos ainda mais bonitos para a nova geração de consoles. Os jogos prometem um gameplay mais realista.





Lançamento: Primeiro capítulo em agosto de 2016, os outros quatro no resto do ano.


A aclamada série de jogos Arkham nos apresentou um homem morcego capaz de todas as proezas físicas e explorando um bom lado detetive. Esse novo jogo da Telltale, que é conhecida por jogos como The Walking Dead e The Wolf Among Us, nos promete viver tanto na pele de Bruce Wayne quanto Batman, em um jogo de escolhas que podem alterar o desenvolvimento da narrativa. É uma ótima maneira de se divertir vivendo o Batman detetive.




Lançamento: 18 de outubro


A série de jogos da franquia Battlefield sempre cumpriram a expectativa de entregar um bom game de shooter e de guerra, os gráficos são sempre lindíssimos e a jogabilidade sempre competente. Nesse novo jogo a promessa é manter isso só que ambientado na Primeira Guerra Mundial, pelo trailer é possível ver o nível de detalhamento absurdo do game. Nos resta esperar para contemplar e nos divertir jogando.




Lançamento: 25 de outubro


Aos órfãos de Shadow of the Colossus, chega em outubro um jogo que promete matar as saudades. embora não se conheça muito do enredo, seus gráficos e gameplays são lindíssimos, vamos esperar que mantenha a mesma diversão que é jogar o clássico do PS2.




Lançamento: 29 de novembro


Um jogo que está pelo menos 10 anos sendo desenvolvido chega em 2016. Final Fantasy XV é um RPG de mundo aberto que vai permitir o jogador horas e horas de gameplay com os gráficos incríveis da franquia. Esperamos que o jogo restaure a diversão que seus antecessores mais recentes deixaram um pouco de lado. Pelo vídeos de gameplay e de trailers é certeza que a Square Enix vai retomar o caminho certo do mundos dos jogos e preparar o terreno para o tão aguardado remake do Final Fantasy VII.


----

Thiago Sena
Estudante de cinema formado em Letras. Apaixonado por literatura, poesia, pintura, filmes do Bruce Lee, do Tarantino e do Clint Eastwood. Fã nº1 e consumidor excessivo de Coca-Cola, bacon e planos-sequência. Exímio conhecedor de pastéis.




5 quadrinhos e 5 games mais esperados da segunda metade de 2016 5 quadrinhos e 5 games mais esperados da segunda metade de 2016 Reviewed by Thiago Sena on 8/23/2016 12:40:00 AM Rating: 5

Nenhum comentário